Antes do Amanhecer

Publicado: junho 8, 2003 em Cinema
Tags:, ,

Before Sunrise (1995 – EUA)

Após se conhecerem numa viagem de trem, a francesa (Julie Delpy) é convencida pelo americano (Ethan Hawke) a passar 24 horas juntos em Viena. Assim, de repente, sem planejamento ou compromisso, tal como a impulsividade juvenil permite.

Um casal discute dentro do trem de maneira fervorosa, os passageiros próximos ficam inquietos e constrangidos, uma moça, sentada próxima se levanta, com seu livro, e escolhe um outro lugar no fim do vagão. Ao seu lado um rapaz desiste de concentrar-se em sua leitura e puxa conversa.

Ela (Julie Delpy) está seguindo para Paris após ter visitado sua avó em Budapeste, está indo concluir seus estudos. Já ele (Ethan Hawke) tem vôo marcado para os EUA, na manhã seguinte, com saída em Viena e quer passar o dia conhecendo a cidade. Após um leve bate-papo, ele a convence a passarem juntos essas 24 horas na cidade. Assim, de repente, sem planejamento ou compromisso, tal como a impulsividade juvenil permite.

Jesse é prático, descrente, outraz vezes sensível. Muito bom de papo e alegre, gosta de soltar sua imaginação, mas é avesso a romantismos tolos. Celine é doce e feminista, dona de opiniões fortes e críticas, além de ser totalmente favorável a conflitos. Cada um teve criações diferentes, em países e culturas diferentes, com costumes diferentes, mas buscam de alguma maneira os mesmos objetivos.

Richard Linklater dirige com muita inspiração este romance baseado em dois desconhecidos com suas próprias inseguranças que buscam encontrar seu rumo para a felicidade. O diretor mantém os dois ativamente conversando sobre diversos assuntos que fazem parte de nosso cotidiano como família, conflitos, amigos, amor, desilusões, crenças, infância. Quanto mais esses dois se descobrem, mais desejam manter o prazer de estar ao lado um do outro e fazer com que esse tempo cronometrado valha por cada segundo. A grande dificuldade de Linklater (e este é seu grande mérito) é conseguir alternar assuntos mantendo o nível do diálogo e a atenção do público, e ainda assim fazer parecer tudo natural, espontâneo e… romântico. E o resultado é um feito e tanto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s