Um Lugar na Platéia

Publicado: setembro 19, 2007 em Uncategorized
(Fauteuils d’orchestre, 2006 – FRA)

Uma noite de estréia no teatro, um leilão de antiguidades e obras de arte, uma apresentação de um pianista, um café aconchegante, uma mesma rua. Danièle Thompson remete a esse pequeno e singelo microcosmos um mundo de personagens encantadores e instigantes. As maiores atenções podem estar concentradas na garçonete simpática, meiga e falante, mas o pianista cansado da requintada pompa do mundo da música clássica é o personagem capaz de oferecer reflexão em sua audaz indecisão sobre seus caminhos futuros. Trata-se de um filme simples e profundamente encantador, brigas familiares, disputas artístico-profissionais, Thompson faz do corriqueiro o belo e filmas as ruas de Paris com um carinho que só seus personagens poderiam desfilar.

PS: A Liga dos Blogues Cinematográficos divulgou nossa lista com o ranking dos melhores filmes da década de 50, os vinte primeiros ganharam pequenos textos (inclusive um meu para o maravilhoso Os Incompreendidos), vale a pena uma visita. Aproveitando, a Liga está em novo endereço.

comentários
  1. Guilherme Lamenha disse:

    Tb gostei muito do filme, Michel. Mas a personagem que mais me toca é a camareira que se aposenta, magistralmente interpretada por Dani, figura emblemática de filmes franceses dos 60/70! Abs

    Curtir

Deixe uma resposta para Guilherme Lamenha Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s