O Adversário

Publicado: janeiro 31, 2011 em Uncategorized
Tags:, ,

L’adversaire (2002 – FRA)
 
Uma frase de efeito e os dizeres de baseado em fatos reais, o clima é pesado, a fisionomia de Daniel Auteil sempre preocupada, fechada, triste, chegando ao deprimente. Nicole Garcia embaralhou a estrutura narrativa, alternou os fatos cronologicamente, tudo na tentativa de trazer um algo mais, porém não se conseguir além da tristeza mórbida, das falsas feições de arrependimento que carrega o protagonista. A verdade é que parece impossível acreditar que alguém tão respeitável aparentemente tenha criado e protagonizado um jogo tão sórdido de mentiras a ponto de manter todo círculo social à sua volta incapaz de perceber a verdade que o roteiro tenta esconder para fazer um suspenso, cuja a trilha sonora tenta elevar a um drama fúnebre (e realmente é se levarmos em conta o desfecho). No fundo, Nicole Garcia tinha em mãos uma história inusitada e seu tom é tão pacato que mesma a dor parece ser mecânica. Emanuelle Devos, como é sexy essa mulher, um charme só dela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s