Tabu

Publicado: outubro 26, 2012 em Cinema, Mostra SP
Tags:, ,

Tabu (2012 – POR)

Miguel Gomes é injeção de ânimo no panorama do cinema internacional. Está apenas no terceiro longa, mas já nos entregou, pelo menos, dois grandes filmes. Aqui uma homenagem a Aurora (Murnau), filme mudo com uma narrativa precisa, entre leitura de cartas e o contar a história por meio de flashbacks. A musicalidade presente em seu cinema, o aspecto rudimentar da África habitada por seus personagens em parte do filme. Tabu é, acima de tudo, uma história de amor, mas cheia de diferenciais. Com crocodilos, dilemas, e a essência de um grande filme.

COTAÇÃO: estrelaestrelaestrelaestrelaestrela_cinza

comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s