La Mer à L’aube (2011 – FRA/ALE)

Outra história convencional sobre campos de concentração e Segunda Guerra Mundial. Já chega, não? Volker Schlöndorff deve achar que não. Estamos na França, a República de Vichy e o colaboração com o Nazismo, aqui a abordagem são os presos políticos (comunistas) escolhidos como exemplo pelo exército alemão em represália à morte de um oficial. A narrativa tenta seguir sob os olhos de um garoto (17 anos), cenas melodramáticas e uma pobreza de criatividade que fazem o filme ir a lugar nenhum.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s