Upstream Color

UpstreamcolorUpstream Color (2013 – EUA) estrelaestrelaestrela1_2estrela_cinzaestrela_cinza

Lá vem Shane Carruth fundir novamente a cuca de seu público, com outro roteiro intrincado e complexo. Agora, com mais recursos, ele realiza um filme lindo, de imagens inebriantes, cortes rapidos para trazer dinamismo no ritmo e planos bem fechados trazendo o público para dentro da história.

Resumir a sinopse é tarefa ingrata, no fundo é uma grande história de amor de gente que sofreu um golpe extremamente planejado e agora está conectado a larvas e porcos. A engenhoca genética e as poucas peças do quebra-cabeças confundem o público enquanto se desenvolve um romance entre pessoas invadidas (corpo e mente), usadas, e que sentem um vazio na memória que não pode ser preenchido. Carruth não chega a ser tão brilhante quanto no anterior, mas ainda assim alcança resultados intrigantes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s