O Idiota

oidiotaDurak / The Fool (RUS – 2014) estrelaestrelaestrelaestrela_cinzaestrela_cinza

As histórias de corrupção nos governos russos não parecem muito diferentes de qualquer outro país. A Rússia, em especial, tem sido exposta de forma crua e tenebrosa por seu cinema. Yuriy Bykov é impiedoso, direto, cria uma situação limite para colocar a prefeitura, de uma pequena cidade, e todo o secretariado sob o limite extremo entre proteger-se e deixar que ocorra uma catástrofe.

Casas fétidas, a câmera na mão intensificando o ambiente repugnante, asqueroso, familias no limite da marginalidade. Um encanador ainda é regido por princípios humanos, os idiotas somos nós que estamos a mercê de decisões de políticos inescrupulosos, entregues à podridão do sistema. O filme termina melodramático, o conto moral carregado de ironia. O sarcasmo de Bykov deixa clara sua mensagem, expor o modus-operandi  do poder de forma clara, a máquina da corrupção desumana e irresponsável.

Anúncios

Um comentário sobre “O Idiota

  1. Pingback: 38ª Mostra SP |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s