14 Estações de Maria

14estacoesdemariaKreuzweg / Stations of the Cross (2014 – ALE) estrelaestrelaestrelaestrela_cinzaestrela_cinza

São catorze planos-sequencias, em planos fixos, trançando um paralelo entre as estações da via crucis de Jesus Cristo, e a adolescente Maria (Lea van Acken). De confrontos com a mãe (religiosa fervorosa), confissões ao padre no confessionário, flerte na biblioteca com um garoto, ou aulas de teor religioso na igreja, o diretor Dietrich Brüggemann mantém o rigor, o discurso intolerante que domina o fanatismo religioso, a histeria do confronto entre o mundo lá fora e o vigor cristão exacerbado.

No meio desse mundo está a frágil Maria, doce, perdida entre a imposição familiar e a timidez da curiosidade, a simples bondade de seu coração imaturo. Por meio de diálogos que variam do dócil à humilhação pública, Brüggemann leva o destino de sua protagonista ao extremo, fugindo de tons angustiantes, carregando sempre o tom religioso nos diálogos nas relações pessoais. Torna crível os perigos do fanatismo, em tempos em que outra religião não se cansa da guerra santa, outras pregam a paz por meio da violência estéril, da humilhação humana, da incompreensão de que os tempos são outros e adaptar-se é necessário.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s