As Mil e E Uma Noites: Volume 1, O Inquieto

asmileumanoites1oinquietoAs Mil e e uma Noites: Volume 1, O Inquieto (2015 – POR) estrelaestrelaestrelaestrelaestrela_cinza

Primeira parte da trilogia (que foi pensado como um único filme de seis horas) sobre Portugal contemporâneo. Miguel Gomes deixa claro que partiu de histórias ocorridas entre 2013 e 2014, o roteiro teve ajuda de três jornalistas com base em “causos” da sociedade portuguesa. O filme ainda pega emprestado a estrutura dos contos árabes clássicos em que Xerazade entretinha o rei Shanhriar, com histórias, em troca de sua sobrevivência. Tudo sempre em tom de sátira, com o deboche a favor de cada sequencia.

Mas, antes de tudo isso, há trinta minutos de um prefácio, em tom de docudrama. Gomes diz não conseguir imaginar um filme, naquele momento, sem lembrar dos acontecimentos em Viana (manifestações contra o fechamento de um estaleiro e o risco de uma praga acabar com a produção de mel local). Há ainda as maluquices do próprio Gomes, tudo para elevar o grau de sátira contra o atual governo português (o alvo do filme), buscando no sacal a provocação sagaz.

Quando finalmente começam as pequenas histórias, é que o deleite satírico atinge uma inigualável e rebelde provocação política. Seja por feiticeiros africanos manipulando o primeiro ministro e outros membros do governo, seja pelo caso do galo levado aos tribunais, ou dos depoimentos de desempregados. Miguel Gomes se posiciona provocativo, beirando o genial de tão memoráveis, e quase nos fazendo clamar para que houvesse alguém com seu tato, capaz de realizar metáforas com o cotidiano político de nosso país. Barbaridades tão portuguesas, mas que poderiam ser transpostas a qualquer país desse planeta.

Anúncios

3 comentários sobre “As Mil e E Uma Noites: Volume 1, O Inquieto

  1. Pingback: Balanço da 39ª Mostra SP |
  2. Pingback: Cahiers du Cinema e Sight & Sound |
  3. Pingback: Top 25 – 2015 |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s