O Menino e o Mundo

O menino e o mundoO Menino e o Mundo (2013) estrelaestrelaestrelaestrela_cinzaestrela_cinza

O reconhecimento com a indicação ao Oscar de Melhor Animação, já havia vencido o Festival Annecy (o mais importante de animações), é a coroação merecida ao longa dirigido por Alê Abreu. Com traços leves, e aparentemente puros, e sua narrativa minimalista, que de ingênua não tem nada, o longa conta a história do Brasil em décadas, principalmente sob a questão do êxodo para as grandes metrópoles.

Temas como desemprego, fome, e a violência da ditadura militar, ganham destaques na história lúdica desse menino que parte em busca do pai, que deixou a família no Nordeste para ganhar a vida no Sudeste. Com fundo branco, e traços simples, a animação cria fortes coloridos quem enchem os olhos pelo lado criativo.

Um idioma incompreensível dá ainda mais sustentação ao poder das imagens dos objetos que o menino encontra pela viagem (robôs destruidores de floresa, um pássaro deslumbrante, o trem, o navio de contêineres). Se a narrativa não parece prender o público durante toda a projeção, e o aspecto político seja muito denso para esses traços tão convenientes a um público bem infantil, no todo é tão louvável essa riqueza estética e poética de transformar em animação verdades tão tristes e brasileiras.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s