O Valor de um Homem

ovalordeumhomem

La Loi du Marché (2015 – FRA) estrelaestrelaestrela1_2estrela_cinzaestrela_cinza

Escolhido como melhor ator no Festival de Cannes de 2015, o ator Vincent Lindon é o cerne da trama, que tenta provocar o capitalismo, por meio da constatação da falência do perfeito mecanismo do sistema na manutenção do emprego. O desemprego desestabiliza o sistema econômico, desestrutura famílias, e causa rachaduras na integridade humana.

Lindon já vem trabalhando nos últimos filmes dirigidos por Stéphane Brizé, sempre com sua figura sóbria e presença dominante em cena. Aqui a câmera assume função voyeur, está sempre a espreita com distância, seja nas seções de entrevista por emprego, ou  as conversas com a gerente do banco, ou ainda quando ele assume seu emprego num supermercado.

Essa posição de observador oculto, aliada a nova função de segurança do protagonista, facilita a veia de visão crítica da sociedade. A imagem fixa e incomoda sob os que cometeram pequenos delitos, roubando do supermercado, são sempre momentos questionadores à sociedade. O filme trabalha forte em justificar os valores morais do personagem, é uma proposta justa com seu contexto, mas não deixa de ser um desperdício de cartucho em focar todo o peso do mundo sob os ombros de um homem, enquanto uma infinidade de possibilidades surgia bem diante daquela câmera. Brizé está tão obcecado por realizar o final que planejou, que não enxerga as inúmeras possibilidades que estava construindo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s