Homo Sapiens

homosapiensHomo Sapiens (2016 – AUT) estrelaestrelaestrelaestrela_cinzaestrela_cinza

É incrível como o ser humano tem essa enorme capacidade de abandonar. Simplesmente deixar largado o que ele próprio construiu quando interesses econômicos ou pessoais se sobrepõe a sua criação. Guerras, desastres naturais, falências, são inúmeros os motivos que explicam os locais, as quais Nikolaus Geyrhalter registra, pelo mundo, um retrato impactante dessa arquitetura em desconstrução. Um shopping center nos EUA, um hospital em Fukushima, prédios grandiosos no Oriente Médio, sempre em silêncio e com planos fixos e gerais, o documentário registra o abandono completo, locais tomados por aquela antiga definição de cidade fantasma. É um retrato forte e vigoroso, não só das regras de sobrevivência do capitalismo, mas do poder de destruição que causa essa bizarra configuração de destroços e matagal tomando máquinas caras ou o logo do McDonalds.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s