Vírus Tropical

Virus Tropical (2018 – COL) 

Interessante a quantidade de filmes do subgênero coming of age tem se destacado no cinema atualmente. Agora é a vez do colombiano Santiago Caicedo, em animação em preto e branco, desenvolver a história do crescimento e amadurecimento de uma jovem que viveu entre Equador e Colômbia. Todos lembram de Lady Bird, mas as semelhanças são maiores com Persepolis, por mais que a carga política daquele grande filme, aqui seja trocada por detalhes mais precisos desse amadurecimento e periodo de descobertas femininas.

Do vai e vem entre morar com pais separados ou com as irmãs mais velhas, o filme é singelo ao sempre acompanhar as influências e transformações desde o nascimento até a faculdade de Paola. Os costumes de uma familia tradicional e a forma dos anos que revolucionam a cabeça dos jovens. É de todo simpático, ainda que pode profundo se comparado a alguns dos coming of age que tem conquistado critica e público.

Anúncios

Um comentário sobre “Vírus Tropical

  1. Pingback: Festival do Rio 2018: dicas |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s