Camocim

Camocim (2017) 

Em época de eleição, interessante acompanhar um filme tão político, mas tão capaz de ser apartidário. Não está em jogo a defesa de ideologias políticas, não que os envolvidos não tenham, mas o documentário esquiva-se bem desse perigo. Em foco as eleições municipais da cidade de Camocim de São Félix, no interior do Pernambuco. A cada quatro anos, a cidade mais parece a disputa de Garantido x Carinhoso, com cores que demarcam lideranças regionais e o conflito de ideias e ideais por todas as ruas.

Isso tudo é curioso, mas o interessante mesmo é acompanhar o vigor da jovem Mayara, que trabalha na campanha de um candidato a vereador. Ela acredita, se dedica, trabalha por seus ideais, sem medo de ser desiludida e ter que começar tudo de novo, porque ela não parece querer desistir de tudo que acredita. O filme de Quentin Delaroche é simples, mas bem curioso no meio desse país que transformou a discussão política em briga de torcida, sem notar que ideologias à parte, o bem comum devia ser a preocupação maior.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s