22 de Julho

22 July (2018 – NOR/EUA) 

O novo filme de Paul Greengrass não vai muito além do correto. Narra os detalhes finais do plano do extremista que planegou o ataque combinado (bombas em Oslo e o tiroteio num acampamento de jovens numa ilha). Somados, os ataques causaram mais de 70 mortes e, obviamente, horrorizaram a sociedade norueguesa e mundial.

No meio de tantas vítimas, o roteiro dá mais foco na história de dois irmãos, um deles muito prejudicado pelos disparos, e a necessidade de meses em recuperação. Enquanto isso, o filme tenta decifrar um pouco do personagem que preza pela intolerância, o autoritarismo e outros comportamentos que a extrema-direita tem pregado na Europa nos últimos anos. Além do resgate da discussão sobre comportamentos humanos em que a violência é a forma encontrada para oprimir ideologias retrógradas e fanatismo intransigente, Greengrass não escapa da obviedade cinematográfica.


Festival: Veneza 2018

Mostra: Competição Principal

Anúncios