Sueño Florianopolis

Sueño Florianopolis (2018 – ARG/BRA) 

A diretora argetina Ana Katz construiu aquí um exemplar de cinema sulamericano made in exportação. Está todo embalado para agradar plateias que procuram o exótico do cidadão comum da região. Em tom de comédia dramática, trata argentinos e brasileiros como povos do jeitinho, que buscam glamour e sempre acabam bem longe do planejado.

Exceção à comédia de costumes (pechinchar no hotel, casa alugada que não era o esperado e etc), há o mais interessante no filme que é a integração entre o casal protagonista e o de brasileiros (Andrea Beltrão e Marco Ricca). De um lado um casamento em stand by, de outro um antigo relacionamento de quem ainda convive no dia a dia. As relações e flertes, as mutações entre relacionamentos e a necessidade de dar liberdade aos filhos soa bem mais curiosa, ainda que se apegue nesse tom de humor de personagens caricatos. No final, é uma visão pessimista da familia tradicional, nos idos anos 90.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s