Monster

Publicado: julho 26, 2019 em Cinema

Monstri / Monster (2018 – ROM)

Dirigido por Marius Olteanu e exibido na mostra Forum, de Berlim, é a Romênia apresentando outra grata surpresa nos festivais internacionais. Dividido em três partes, as duas primeiras com janela quadrada, que intensifica a sensação claustrofóbica, o filme traça o perfil de um casal com casamento em frangalhos, questões sexuais, familiares e sociais e os monstros pessoais de cada um deles que aumentam a complexidade matromonial.

As duas primeiras partes contam a versão de cada um deles, de um momento particular. Na terceira a janela se abre para dar espaço ao casal em cena, e assim Olteanu consegue desenvolver bem seus personagens para então dar dimensão da situação juntos. É bonito o travelling na estação de trem, quando ele volta a Bucareste, o estilo sem jeito com que ele conversa com um homem desconhecido, e principalmente a sequencia final, numa escada, com todo o peso dos problemas do casal já exemplificados ao público, num misto de amor esperança ou amor e desesperança, fica a critério da sua leitura.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s