Rainha de Copas

Publicado: novembro 9, 2019 em Cinema
Tags:

Dronningen / Queen of Hearts (2019 – DIN)

Uma advogada especializada nos direitos de crianças e adolescentes, acostumada a casos de violência e abuso sexual, envolvida romanticamente com se enteado. Temos um dilema moral daqueles, não? Tem conseguido relativo sucesso e esticado sua permanência nas salas de cinema alternativo em São Paulo.

A diretora May El-Toukhy nos conduz, com estilo sóbrio, por uma narrativa que surpreende por opções de roteiro que levam a história além do dilema moral central. A personagem da advogada se torna uma incógnita para o público, até que ponto ela pode ser uma manipuladora, um apaixonada por um adolescente, ou que mantém a sua ética profissional acima de tudo? Não deixa de ser uma visão feminina sobre o tema, e também sobre desejo na maturidade, e o dilema entre se mergulhar ou controles seus impulsos sexuais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s