Os Melhores Anos de uma Vida

Publicado: julho 20, 2021 em Cinema
Tags:

Les Pus Belles Années D’Une Vie / The Best Years of a Life (2019 – FRA)

Nostalgia é o combustível que Claude Lelouch usa para resgatar, novamente, os personagens do filme que marcou sua carreira. Ele não economiza em reutilizar cenas e mais cenas do clássico Uma Homem, Uma Mulher. O galanteador piloto agora vive num asilo e passa o dia a recordar daquele amor vivido ou de overdoses de sonhos. A trilha em piano intensifica aquele clima de calmaria e de melancolia romântica, e os diálogos estão sempre indo pouco além desse relembrar de histórias vividas.

Mas, essa nostalgia até que funciona a quem descobriu o filme clássico, o reencontro de Anouk Aimée e Jean-Louis Trintignant sempre guarda um sabor especial, mesmo num filme que nem se esforça muito. Os gracejos dele, o mexer no cabelo dela, há no casal um magnetismo que se torna, facilmente, a única razão de desistir desse filme.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s