As Órbitas da Água

Publicado: janeiro 6, 2022 em Cinema
Tags:

As Órbitas da Água (2019)

Se os filmes de Frederico Machado já trafegavam fortemente pelo sensorial, seu novo trabalho mergulha ainda mais fundo. Terceira parte da trilogia inspirada em obras do poeta Nauro Machado (seu pai), parte de uma trama simples, do filho retornando à casa do pai. Teremos muito confronto do passado para reverberar no futuro, mas o principal é como o diretor usa dos elementos cinematográficos para transformar sentimentos em imagens. Planos ultrafechados, os sons, um cinema que se assemelha a Terence Malick. Suas opções autorais podem afastar grande parte do público, felizmente ele se mantém longe das concessões, gostando mais ou menos que cada filme, espero que conserve sua autoralidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s