Spencer

Publicado: fevereiro 6, 2022 em Cinema
Tags:

Spencer (2021 – RU)

A proposta de Pablo Larraín de intensificar o momento natalino de Diana de desconexão, de falta de liberdade, de claustrofobia, fragilidades tão nítidas por sua tristeza, profunda decepção e tédio, por tantas convenções sociais, mentiras, traições e falsidades, é sim muito bem sucedida. A sensação é real, dá para sentir tudo isso em cada cena. Pena que a fórmula se esgote em trinta minutos e resta ao filme rodar em círculos enquanto Diana troca de vestidos ou enlouquece em sua tristeza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s