EP 96 – Ex-Aposentado e Perigosos

Os varandeiros Cris LumiMichel Simões e Tiago Faria comentam o retorno do cineasta ex-aposentado Steven Soderbergh com outro filme de assalto, Logan Lucky – Roubo em Familia (14:39). E Chico Fireman se junta à conversa para opinar sobre mais um filme do sul-coreano Hong Sang-soo, Na Praia à Noite Sozinha (37:17), seguramente sua obra mais autobiográfica.

Antes disso, um papo sobre a polêmica do momento: as fortes acusações de estupro e abuso sexual contra Harvey Weinstein (1:48), o até então todo-poderoso do cinema independente, estão dando o que falar. Debatemos um pouco da figura e de muito do que tem vindo à tona.

E, como sempre, Recomendações, incluindo muito dos filmes do Festival do Rio (1:04:05). Também tem Cantinho do Ouvinte e muito mais. Bom podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.

Anúncios

EP 95 – Replicantes e Implicantes

Blade Runner 2049 (17:32), o cult de ficção científica ganha sua continuação sob direção de Denis Villeneuve. A Varanda recebe Rafael Argemon para resgatar o clássico de Ridley Scott também, e além de comparar os filmes, discute essa atualizada guerra entre Replicantes x Humanos.

Outro destaque da semana no podcast é a cinebiografia de Churchill (44:34). Nossa outra convidada é Cecilia Barroso, que ajuda nosso Chico Fireman nas primeiras impressões dos principais destaques do início do Festival do Rio (7:17): As Formas da Água, Me Chame Pelo Seu Nome, Zama e outros.

E ainda recomendações, Cantinho do Ouvinte e muito mais. Bom Podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.

EP 94 – Critica.com

Que posição a critica na internet ocupa atualmente? Os varandeiros entram na polêmica envolvendo Hollywood x Rotten Tomatoes e resgatam os primórdios da cinefilia na internet (19:02). Os fóruns de cinema, a era de ouro dos blogs, os sites de cinema pioneiros, a critica que surgiu na web, e a possibilidade de aproximar os cinéfilos no mundo todo. Um papo-papo pessoal e nostálgico de todas essas experiências, complementado com as participações mais que especiais de Daniel PilonDiego Sapia Maia e Henrique Miura.

A estreia em destaque da Varanda essa semana é Kingsman – O Círculo Dourado (7:23), a continuação do filme “esperto” dirigido por Matthew Vaughn dividiu opiniões. Recomendações incluindo dicas para o Festival do Rio, Cantinho do Ouvinte e muito mais. Bom Podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.

EP 93 – Um Dia a Casa Cai

O filme-polêmica da semana é Mãe! (6:14). O novo longa de Darren Aronofsky tem despertado reações de amor e ódio. E haja referências a questões bíblicas, de ecologia, do horror das guerras e outras temas fortes. Os Varandeiros debatem não só o filme, mas também a carreira do cineasta.

Já Columbus (48:18) é um drama indie, destaque de Sundance, e desde já uma das gratas surpresas do ano. Tem também um Cantinho do Ouvinte inspirado em Mãe!, Ailton Monteiro e os cineastas librianos no Varandeiro do Zodíaco (1:02:17), e Recomendações. Bom Podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.

EP 92 – Vai pro Oscar ou não Vai?

Boletim do Oscar (9:01) voltou! Bingo – O Rei das Manhãs foi escolhido pelo Brasil para representar o país no Oscar de Filme Estrangeiro. Os varandeiros Chico FiremanCris LumiMichel Simões e Tiago Faria entram no debate: a decisão foi acertada? Tem chances? E as polêmicas reações das equipes dos filmes preteridos? No cenário internacional, quais são os longas que já estão disputando as cinco vagas?

Entre as estreias, destacamos três filmes. Tom Cruise está em Feito na América (28:19), produção dirigida por Doug Liman sobre o piloto de aviões Barry Seal, que trabalha para a CIA e para Pablo Escobar. Falando em Oscar, Uma Mulher Fantástica (45:51) é o escolhido do Chile e trata da discriminação sexual. E o brasileiro As Duas Irenes (1:01:41) retrata o despertar da juventude ao contar a história de uma garota que descobre um terrível segredo familiar. Quais deles ficam, caem ou se penduram na Varanda?

Tem Cantinho do Ouvinte, pinceladas sobre o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2017 e o filme búlgaro Glory, enquanto que nas recomendações alguns destaques do Indie Festival 2017. Bom podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.

EP 91 – Super-Moro contra o Palhaço do Mal

Notícias recentes sobre a política brasileira chegam aos cinemas em Policia Federal – A Lei é Para Todos (9:19). Chico FiremanCris LumiMichel Simões e Tiago Faria discutem o lançamento brasileiro mais polêmico do ano. O longa-metragem sobre a Operação Lava Jato consegue ser um digno thriller policial ou é apenas um caça-níquel partidário? Muita pressa para contar uma história que ainda nem terminou?

It- A Coisa (47:48) é a surpresa das bilheterias na temporada que segue a dos ‘summer movies’. Opiniões divididas na Varanda para essa nova adaptação para o livro de Stephen King. Aliás, falando nele, aproveitamos para debater o retorno de um dos escritores mais adaptados no cinema (1:06:56). E ainda: Cantinho do Ouvinte, Recomendações e muito mais. Bom podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.

EP 90 – Se Juntas Já Causam, Imagine Com o Lynch

Duas mulheres interpretando protagonistas fortes são os destaques da semana no cinema. Atômica (6:13) traz Charlize Theron em cenas de ação estilosas, no papel de uma espiã infiltrada na Alemanha da Guerra Fria. O novo trabalho de Lais Bodanzky, Como Nossos Pais (25:10), tem Maria Ribeiro representando a mulher de classe média, enfrentando dilemas do dia a dia. Os varandeiros Chico FiremanCris LumiMichel Simões e Tiago Faria batem um papo sobre os dois filmes.

Com o explosivo finale de Twin Peaks (56:52), o podcast volta a discutir a série, num papo que se preocupa menos em decifrar, e mais em entender como a atração se encaixa na obra de David Lynch. E mais: Recomendações, Cantinho do Ouvinte, e um presente para o ouvinte que for mais rápido. Bom podcast!

Sempre bom lembrar que o jeito mais fácil de acompanhar as atualizações é nos seguir nas Redes Sociais, ou assinar no Itunes ou Feed.