Posts com Tag ‘Pascale Ferran’

atartarugavermelhaLa Tortue Rouge / The Red Turtle (2016 – FRA) estrelaestrelaestrelaestrela_cinzaestrela_cinza

Co-produzido entre França e o Studio Ghibli, a animação dirigida por Michael Dudok de Wit, e roteiro de Pascale Ferran conquistou Cannes durante sua exibição na Quinzena dos Realizadores, e já é um dos postulantes a indicação ao Oscar de melhor animação. Todo sem falas, a trama nos fará lembrar a eterna Sessão da Tarde – A Lagoa Azul, porque tem no centro um homem solitário numa ilha, que tenta fugir construindo uma jangada que sempre é destruída, propositadamente, por uma enorme tartaruga vermelha.

Enquanto os traços dos desenhos e as cores, sempre em tons avermelhados e marrons, oferece essa sensação bucólica, a narrativa vaga entre o romântico e o singelo, com sua dose de fantasia, caminhando ao longo dos anos a um final inevitável e belo de maturidade dos personagens.

pessoaspassaroBird People (2014 – FRA) estrelaestrelaestrelaestrelaestrela_cinza

Por vezes você se depara com estes filmes com ar de refrescância. De uma leveza quase irreverente, um trato simples com as coisas do dia-a-dia, sem deixar de lado a busca pelas sutilezas da novidade. Tudo começa no RER que liga o aeroporto Charles De Gaule à Paris. Pascale Ferran capta diferentes viajantes, o contato com o vagão, a chegada ao seu destino, pequenas manias, ou maneiras de fazer passar o tempo.

A seguir, Ferran dá todos os indícios de um filme de tom corporativo, reuniões de negócios, hotel para executivos, um americano à trabalho em Paris. Protagonismo muda para uma jovem que trabalha como arrumadeira num hotel cinco estrelas. O dia-a-dia de limpar os quartos, a briga pelo dia de folga, os colegas imigrantes.

O roteiro une as duas histórias, com um pequeno toque de fantasia, o inexplicável. O executivo (Josh Charles) surta, decide largar tudo: carreira, dinheiro, família (como diria Cazuza). A jovem (Anaïs Demoustier) nos permite flutuar pela vida dele, e de outros hóspedes. Um pequeno recorte do momento daquelas vidas, inclusive da dela, o inusitado trazendo a leveza, um ar de liberdade. Ferran encontra lindos planos, sobrevoa as proximidades do hotel enquanto devassa a vida revirada do executivo.