Posts com Tag ‘teatro’

Voltando à programação normal desse blog após uma viagem de 17 dias pela China!

Sleuth (2007 – EUA) 

Na versão original de 1972 (que adaptava uma peça de teatro), Michael Caine fazia o amante da esposa do escritor que tenta “negociar” o divórcio, para que possa se casar com a ex-mulher do tal escritor (Laurence Oliver). Dessa vez, Michael Caine é o escritor, e Jude Law assume papel do galã, do outro, do cabeleireiro e aprendiz a ator que tenta subir na vida. Se a transposição do teatro ao cinema, dentro do conceito de todo o filme transcorrer na casa do escritor, funciona bem, o filme dirigido por Kenneth Branagh não consegue passar de um exercício de dois atores brincando de atuar. Porque, o texto é frouxo, quase irresponsável com absurdos de um roteiro que deseja ser espertinho. Não vai além do arrogante.

Esse joguinho de gato-e-rato, de vingança e troca de acusações verbais rápidas ainda engana alguém? Não é possível. Com cinco minutos já temos um filme aborrecido, de personagens aborrecidos brincando de impautérios descabidos. Ou, a final, faz algum sentido, um homem ir interceder pelo divórcio de sua namorada, e aceitar um plano ordinário do ex-marido, para conseguir um dinheiro, que nem na proposta parecia tão fácil? Não desceu.

Visitando o Sr. Green

Vale mencionar que ontem fui ao teatro para conferir Paulo Autran e Cássio Scapin nessa peça que há tempos gostaria de ver. Como é gostoso divertir-se com dois atores talentosos e um texto bem escrito, simples por sinal, mas que guarda além do humor alguma preocupação de plantar uma sementinha na cabeça das pessoas contra o preconceito (de todas as espécies).

Só para instigar a história trata de um executivo que quase atropela um velhinho judeu ranzinza e é condenado a prestar serviços sociais visitando o velhinho durante seis meses. A aversão da situação torna-se amizade, com divertidas risadas enquanto as diferenças são afloradas.