Posts com Tag ‘Thomas Alfredson’

Estou falando aqui baseado em leituras, críticas, videos, resumindo informações de mais de uma dezena de meios de comunicação que em Veneza estiveram. E a sensação é de uma edição de filmes que prometem muitos, finalmente temos uma boa lista de expectativas para que cheguem nos festivais brasileiros e no circuito comercial. Listo abaixo os filmes que aguardo com maior ansiedade dentro da Mostra Competitiva em Veneza.

Faust, de Alexander Sokurov (ganhador do Leão de Ouro)

obs: quem me conhece sabe da minha obsessão por alguns cineastas, poderia dizer que sou figurinha carimbada em sessões de filmes de Kar-Wai, Gitai, e outros. E um desses nomes que realmente me fascinam é o de Sokurov.

 

Shame, de  Steve McQueen (vencedor Coppa Volpi de melhor ator: Michael Fassbender)

obs: quem sabe tragam não só este, como também o ótimo trabalho de estréia de McQueen, o filme Hunger.

 

Tinker, Tailor, Soldier, Spy, de Thomas Alfredson

Obs: nem Árvore da Vida, nem o próprio Faust, e nenhum outro, simplesmente o filme mais aguardado do ano por mim.

 

A Dangerous Method, de David Cronenberg

Obs: a amizade e rivalidade de Jung e Freud

 

Terraferma, de Emanuele Crialese (ganhador do prêmio especial do júri)

obs: cineasta do elogiado Respiro e do interessante Mundo Novo, retratando a delicada questão da imigração africana na Itália.

 

Isso para me ater em apenas 5 filmes, porque ainda tem Carnage de Roman Polanski, People Mountain People Sea de Cao Shangjun, 4:44 de Abel Ferrara, O Morro dos Ventos Uivantes de Andrea Arnold, pelo visto uma ótima edição do festival de Veneza em 2011.